segunda-feira, 19 de agosto de 2013

O Médium e o Pilão




Salve fios de Umbanda, Salve fios de Olorum!

É na simplicidade e na humildade que a falange de pretos velhos traz seus ensinamentos, sem quarquer pretensão, pois àquele que muito quer mostrar, nada tem de seu para ofertar. 
Pilão vazio tem mais serventia que semente mal pilada...
Semente mal pilada não serve pra alimento, oferece-se aos porcos, enquanto o pilão vazio, nenhum mal faz, enquanto mantém sua utilidade.
O médium é assim, enquanto se mantém firme da fé de Nosso Pai Oxalá, é iguar a um pilão vazio, não passa semente, mas também não estraga a produção.
Por que as vezes oceis são apressados, botam os carros na frente dos bois, e ai é um problema.
A semente mal pilada pode até servir pra os porcos. Mas para isso é preciso ter uma criação, senão, nem para isso vai servir, indo parar no lixo, jogando toda uma produção.
O médium despreparado, quando não entende sua missão, é logo alcançado pelo desanimo e pela dúvida, vai perdendo a fé, pois acredita que não está bem sintonizado, quando na verdade, os guias apenas querem um tempo... para que o aparelho amadureça.
A pressa, como sempre, é inimiga do trabalho formoso!
E quem não quer se orgulhar de fazer o seu melhor?
Ninguém olvida de tal façanha, o que não se pode deixar é que o aparelho se entregue ao ócio e desacredite de sua fé, pois aí, o pilão que antes servia de preparo do alimento, pode abrigar até sujeira, poeira, mas nunca perde o seu valor.
Portanto, nada de por o carro na frente dos bois.
Limpe o seu pilão, guarde os instrumentos, pois quem tem fé, sempre vai encontrar o seu alimento, pronto e peneirado, para então ser enfim pilado.
Nóis viemos de Aruanda sim Senhor, sempre com muito amor. 
E não é de improviso, mas sempre com um sorriso, trazemos nosso recado, na fé e na força do nosso cajado.
Aguardar que o melhor ainda está por vir.
Vovó Maria Conga

18.08.2013
médium Elisangelis

Nenhum comentário:

Postar um comentário